fbpx

Estratégias de gestão para superar a crise financeira

A epidemia causada pela covid-19 tem provocado diversos impactos em todas as camadas da sociedade. Porém, além da área da saúde, o setor empresarial também tem enfrentado dificuldades, e quem souber aplicar boas estratégias de gestão tem mais chances  de se manter firme e longe das dívidas.

A redução de possibilidades de fechamento de negócio, bem como a insegurança dos consumidores em relação às compras, estão afetando diretamente empresários de todo o país e acarretando no fechamento de diversas empresas.

Sabendo disso, separamos aqui 5 estratégias de gestão para você aplicar e passar por essa recessão bem longe do fantasma da falência. Confira abaixo e se mantenha firme durante essa crise!

1.   Negociar pagamentos

Com a baixa no recebimento de capital, muitas vezes fica difícil manter as contas com adimplência e pagar todos os fornecedores. Sendo assim, para não ter que pagar juros e outros tributos mais tarde, o ideal é negociar os pagamentos com fornecedores e outros parceiros.

Adiar parcelas ou fazer uma renegociação de modo a estendê-las em um valor diluído são sempre ótimas opções. 

Com isso a companhia pode ter um “respiro” para se organizar financeiramente e elaborar novos meios de sobreviver a baixa entrada de lucro nos próximos meses.

2.   Suspender contratos não essenciais

Mesmo que a redução no quadro de empregados seja uma das estratégias de gestão menos agradáveis, ela pode ser bastante eficaz para conter os prejuízos nesse momento de crise. Com a redução da demanda é possível que alguns colaboradores  fiquem ociosos e isso acaba tornando o investimento na sua remuneração em um custo dispensável.

Sendo assim, por mais desagradável que seja, realizar demissões ou suspensões de contrato pode ser o diferencial que ajudará a sua empresa a superar esta crise. Nossa dica, para este momento difícil, é agir com cautela e de maneira racional, avaliando detalhadamente as possibilidades de desligamento e o impacto negativo que eles podem trazer à produtividade da empresa.

Salientamos, também, a importância de um diálogo franco junto aos seus colaboradores, explicando o real motivo do desligamento e deixando portas abertas para o retorno de profissionais importantes para o seu negócio logo que tudo se normalize.

3.   Antecipar recebíveis

Caso a companhia tenha algum saldo a ser recebido ou retirado, esse é o melhor momento para fazer uso dessa quantia. Converse com clientes e demais compradores e explique a atual necessidade da empresa. 

Nessa situação, toda quantia pode ser de grande ajuda para evitar a quebra do sistema econômico. Dependendo da sua necessidade de injeção de caixa, inclusive, vale a pena oferecer descontos para antecipar o recebimento de parcelas. Avalie essa possibilidade com atenção e faça boas ofertas.

4.   Manter-se remota e digitalmente próximo do cliente

Nesse momento de pandemia é muito comum que os consumidores se sintam receosos em relação a um contato próximo com as empresas. Isso porque o contato físico oferece sérios riscos de contágios, e muitos brasileiros, principalmente no interior do RS, ainda não estão habituados aos novos recursos tecnológicos para a comunicação.

No entanto, este é um dos poucos limões que pode render uma boa limonada em meio a esta crise. Nossa dica é aproveitar o cenário atual, em que todos estamos aprendendo a nos virar de maneira remota e digital, para criar novos canais de comunicação com seu cliente. 

Enviar mensagens humoradas e esperançosas, desde que façam sentido para o seu negócio, pelas redes sociais, pode ajudar de várias formas: fortalece a sua marca na memória do cliente, constrói um laço afetivo e ainda aumenta a possibilidade de conexão com novos clientes. Principalmente neste momento em que a porta de tantos comércios está fechada!

Há, também, outra importante vantagem em manter uma forte comunicação digital com o seu cliente: abrir os caminhos para a prestação de serviços de maneira remota ou para a venda online. Recurso, este, que pode ser a salvação econômica de muitos pequenos negócios na crise atual. 

5.   Adaptar sua rotina de operação e continuar vendendo

Mesmo que a crise esteja batendo na porta, não há estratégia de gestão mais eficaz que manter a produtividade e a comercialização. Ainda que a demanda e a procura baixem, toda venda é importante e pode trazer resultados positivos para a empresa. Nem que seja apenas para a motivação do time, o que faz toda a diferença!

Para se adaptar a essa nova fase, é importante fazer uso da automação, facilitando os processos do dia a dia e tornando-os menos complexos. Para isso, os sistemas ERP fazem toda a diferença, pois integram vendas ao estoque em tempo real, permitindo a você fechar negócios de onde estiver!

Para saber mais, confira em nosso site as vantagens de automatizar a gestão da sua empresa e gerenciá-la com atualização em tempo real de onde você estiver!

Clique aqui para começar uma conversa com nossos especialistas do ERP Parceria

5 principais tipos de clientes do contador

Conhecer os principais tipos de cliente que um contador pode ter é fundamental para quem atua com o foco em qualidade e atendimento de excelência. Isso porque  quanto melhor o contador conhece seus clientes, melhor consegue prever suas necessidades e antecipar as soluções.  

Alguns exemplos de tipos de clientes que merecem especial atenção são aqueles que não cumprem prazos, por exemplo. Se esta característica não for percebida e tratada com atenção, pode gerar atrasos nas obrigações contábeis e trazer sérios problemas para o seu escritório.

Se este mesmo cliente somar outra característica, como ser nervoso e estressado,  pode interpretar errado situações como a deste atraso e fazer reclamações, comprometendo fortemente a reputação da sua empresa.

Assim, entender melhor o funcionamento de cada tipo de cliente ajuda a criar atalhos para lidar com as intempéries do dia a dia, e aliviar um pouco a tensão da rotina de trabalho de um escritório de contabilidade. Que, por sinal, não é nada mole!

Vem conosco descobrir melhor esses clientes neste artigo que preparamos para você? Bora lá!

Confira os principais tipos de clientes e as principais dicas de como lidar com eles:

Para ajudar seu escritório a identificar e tratar bem cada um dos tipos de clientes e as situações delicadas que podem ocorrer durante o relacionamento, listamos as 5 principais situações mais comuns. Aproveite para tentar identificar clientes do seu escritório com este perfil e montar um processo de atendimento padrão para esses casos, atuando já na raiz do problema.

1 – Cliente que não cumpre prazos

Todos sabem que cumprir prazos é essencial se tratando de contabilidade. Porém, há aqueles clientes que sabem dos riscos e vêm com desculpas do tipo “ih, esqueci.. até quando posso te entregar isso?”. São em geral desorganizados e têm dificuldades em garantir prazos e entregas de documentos.

Resolvem problemas apenas quando eles se tornam urgentes, o que pode causar alguns erros e prejuízos como multas pesadas para as empresas e até mesmo a interrupção de seus serviços. Geralmente eles têm dificuldade em entender que manter a contabilidade em dia é muito imprescindível para o bom funcionamento da sua empresa.  

Ao identificar que o cliente tem este perfil, procure adiantar ao máximo as demandas, acompanhando o cliente mais de perto e trabalhando com planejamento. Nunca deixe para cobrar documentos deste cliente muito em cima do prazo ou confie que não será necessário realizar alguns ajustes na documentação.

É importante explicar de forma didática a importância do comprometimento dele, explicando passo a passo o que ele precisa fazer e até que prazos, esclarecendo também as consequências de cada tarefa não executada.

2 – Cliente Nervoso e Estressado

Clientes nervosos ou estressados são um desafio para o contador, que também têm, muitas vezes, uma rotina bem desgastante. Porém é importante ter clareza de que esses comportamentos nem sempre têm relação com os serviços do seu escritório, mas sim ter com outros problemas da empresa do cliente ou até questões pessoais.

Muitas vezes estes são clientes ríspidos e podem ter dificuldade em organizar as ideias ou entender o que lhes é dito.  Os estressados são clientes geralmente pessimistas e sofrem por antecedência, possuem muita facilidade em apontar falhas, por esta razão é necessário alerta constante.

Para esses clientes é recomendado paciência e, antes de tudo, apostar no atendimento de qualidade.  Mantenha-se sempre educado e com o foco na solução do problema apresentado por seu cliente.

Outro ponto importante é tomar cuidado para facilitar a comunicação. Como esse cliente tem dificuldade na compreensão, por estar sempre estressado e pensando em várias coisas ao mesmo tempo, é importante usar uma linguagem clara , didática e muito objetiva.

Dê atenção especial também ao canal de comunicação que usa para falar com este cliente. Se você já observou que ele abre pouco os e-mails, reforce as mensagens importantes por WhatsApp, por telefone ou por qualquer outro canal em que o cliente seja mais disponível.

3 – Cliente avesso à tecnologia

Falar no mundo contábil, sem dúvida também é falar em tecnologia. No entanto, não podemos esquecer que muitos empresários ainda não ingressaram totalmente no mundo digital, e ainda recorrem a anotações e documentos impressos.

Esses são clientes mais desconfiados e tendem a não aceitar muito bem as novas tecnologias, podendo gerar problemas, principalmente com prazos.  A dica é ter paciência e diálogo. Acompanhar as mudanças tecnológicas pode ser tarefa difícil para eles, porém, com paciência e boa comunicação a tendência é de se adaptarem.  

Esse tipo de cliente pode optar ou ter preferência por se comunicar somente por telefone ao invés de outro canal de comunicação online. Muito provável que prefiram, também, relatórios e documentos impressos em vez de informações e documentos trocados por e-mail ou por aplicativos. Consulte seu cliente para saber qual a melhor forma para estabelecer uma comunicação eficiente.

Dica especial: em geral, a secretária ou a recepcionista são personagens que auxiliam muito na comunicação com este tipo de cliente. Mantenha proximidade e descubra, com elas, quais os melhores caminhos para facilitar a comunicação.

4 – Cliente Conversador

Esse tipo de cliente é muito fácil de identificar. Adoram conversar, contar sua rotina empresarial, falar de vida pessoal e compartilhar o planejamento de crescimento do próximo ano.

Por serem comunicativos, costumam trazer informações muito valiosas para o escritório de contabilidade. Todavia, é preciso tomar cuidado para não desviar o foco dos objetivos e necessidades principais.

Para lidar de forma mais eficaz e manter o atendimento de qualidade, crie uma rotina otimizada de comunicação com seu cliente, de modo que não desperdice muito tempo. Torne-se um contador próximo do negócio, e busque sempre a objetividade, fique sempre no controle e conduza a conversa.

Para facilitar as reuniões, uma boa dica é sempre enviar antecipadamente a pauta e ir conduzindo a conversa de modo que todos os itens importantes sejam alcançados. Pré estipular o horário de término das reuniões também é importante, e você pode sugerir começar pelo cumprimento da pauta e deixar aqueles saudáveis “dois dedinhos de prosa” para o encerramento da reunião.

5 – Cliente especialista em Contabilidade

Esse tipo de cliente gosta de participar intensamente da gestão contábil de seu negócio. Costumam ter bastante conhecimento técnico e podem cobrar com excesso as entregas de seu escritório.  Em compensação, também costumam cumprir os prazos e enviar todos os documentos e informações de forma bem organizada.

Gostam de ser informados sobre o andamento dos processos de contabilidade. O que é um direito dele como cliente e uma prática saudável de relacionamento com o cliente.

Entretanto, os exageros podem conturbar o relacionamento e a produtividade do trabalho. Por isso é necessário estabelecer limites e passar confiança na garantia de que os serviços serão entregues corretamente.

Conforme vimos, existem diferentes tipos de cliente e, além de adaptar seu formato de atendimento, também e importante você avaliar que tipo de parceiro vai indicar para os seus clientes, de modo a garantir a qualidade dos serviços e preservar a credibilidade do seu escritório. Você já conhece a Parceria Soluções Empresariais? Atuamos há mais de 10 anos na emissão de certificados digitais em Passo Fundo e mais 40 cidades da região, ajudando nossos contadores parceiros a manter um relacionamento satisfatório e confiável com seus clientes.

Quer saber como se tornar um escritório Parceiro? Entre em contato!

5 dicas de tecnologia para economizar na sua empresa

É inegável que os efeitos da tecnologia têm mudado o dia a dia das pessoas e das empresas. Aumentam, continuamente, as opções de soluções tecnológicas capazes de automatizar e aprimorar processos empresariais, aumentando  a competitividade e reduzindo custos. Por isso, preparamos algumas dicas de tecnologias que podem te auxiliar a alavancar ainda mais o seu negócio. Acompanhe!

Dicas de Tecnologia que geram agilidade e economia

As novidades tecnológicas têm chegado cada vez mais acessíveis ao mercado, democratizando o acesso a distintos portes e modelos de negócios. Até mesmo as empresas com menor recurso financeiro e  de pessoal podem ser beneficiadas e otimizarem sua gestão e melhorarem a experiência de atendimento do seu cliente.

Além disso, sistemas de gestão inteligentes possibilitam o acesso às informações com mais agilidade e confiabilidade, tornando processos de análise e mensuração de resultados ágeis e possibilitando tomadas de decisões com maior índice de sucesso

Confira as 5 dicas de tecnologia que preparamos para você  

 1 – Atendimento via Chatbot

Não podemos mais contestar que estamos vivendo na  era da comunicação por mensagem de texto. Segundo a Opinion Box “70% dos consumidores preferem conversar com empresas por WhatsApp ou Facebook Messenger”. Nesse contexto, os chatbots podem ser ótimos aliados. Segundo estatísticas da Opinion Box, o recurso consegue suprir cerca de 74% das dúvidas dos clientes em interações de até dois minutos, o que otimiza muito a produtividade dos times de atendimento. Além disso, o cliente fica mais satisfeito, uma vez que na maioria das vezes consegue respostas às suas dúvidas em tempo real, sem precisar de filas de espera.

2- SEO (Search Engine Optimization)

Em tradução SEO significa Otimização para Mecanismos de Busca. São ações para melhorar o rankeamento do seu site, fazendo com que seu site seja mais facilmente encontrado por quem está procurando por produtos ou serviços como os que você comercializa.  A otimização resume uma série de ajustes, que envolvem desde o código do site, até o formato como os textos publicados são produzidos, aplicando corretamente as palavras-chave mais relevantes. O benefício final é, por meio desses ajustes técnicos, atrair visitantes alvo mais qualificado para o seu site – ou seja, com maior potencial de se tornarem clientes. 

3 –   GED (Gestão Eletrônica de Documentos)

A GED facilita o armazenamento, o controle, o compartilhamento e a recuperação de documentos de maneira geral. Digitalizando os documentos de uma empresa,  a GED permite acesso rápido e seguro, eliminando o desperdício de tempo em procurá-los em caixas de arquivo e protegendo-os com restrição de acesso. 

Além de  manter os documentos disponíveis online, podendo ser acessados a partir de qualquer lugar, a GED ainda proporciona uma significativa economia de espaço.  

4 – Software de CRM

CRM significa Customer Relationship Management, em português,  Gestão de Relacionamento com o Cliente. O método consiste na utilização de estratégias de negócios e em ferramentas tecnológicas para armazenar e gerenciar informações de todas as interações do cliente com a empresa. 

O principal benefício é poder gerenciar o negócio com base na análise do pipeline (funil de vendas), permitindo extrair em poucos cliques relatórios que trazem as taxas de conversão de prospects em orçamentos, e de orçamentos em vendas. Outras informações ricas, como o motivo de declínio dos clientes que não fecharam negócio, o canal em que os clientes tomaram conhecimento da empresa, bem como quais campanhas de marketing geraram mais vendas, também são acessadas e cruzadas com facilidade.

5 – ERP – Enterprise Resource Planning

ERP significa, em português Sistema Integrado de Gestão Empresarial. É um software corporativo capaz de controlar todas as informações administrativas, de uma empresa, integrando dados, recursos e processos, das áreas de: Vendas, Finanças, Contabilidade, Fiscal, Estoque, Compras, Produção e Logística. 

Os bons ERPs são customizados para as necessidades específicas de cada negócio, processando com integração em tempo real  os mais variados tipos de dados, como: faturamento, balancetes, controle de gastos, fluxos de caixa, informações tributárias, inventário, estoque, controle de ativos e equipamentos, tempo de processamento, filas, entre outros. 

O principal benefício do ERP é  acelerar seu processo de vendas, trazendo exatidão no controle de estoque e organizando a logística de entregas com eficiência.  E este pode ser o divisor de águas para o crescimento exponencial do seu negócio.

Agora que já aprendeu com as  dicas de tecnologia que a Parceria preparou para você, aproveite para conhecer o ERP Parceria. Nosso sistema simplifica seus processos de gestão, desde a compra das mercadorias até a emissão da Nota Fiscal. Revolucione seu a gestão do seu negócio!

Agendar uma reunião com o consultor.

5 Dicas de gestão financeira para sua empresa

A gestão financeira é essencial para que sua empresa atinja bons resultados e permaneça na direção da da estabilidade e do crescimento, fugindo do índice de mortalidade de empresas brasileiras. É o melhor caminho para  melhorar os resultados financeiros, avaliar, analisar e tomar decisões relacionadas à manutenção e administração dos recursos econômicos do seu negócio

Uma gestão financeira realizada de forma equivocada pode causar inúmeros transtornos e até mesmo resultar no fechamento de uma empresa. No Brasil, de acordo com pesquisas do sebrae, 25% das empresas abertas fecha antes de completar o 2º ano de vida. Já o IBGE complementa que, do restante,   60% fecha as portas antes de completar 5 anos.

Para ajudar você a fugir deste cenário, preparamos cinco dicas para você alavancar a gestão financeira de sua empresa e garantir a saúde do seu negócio.

Dicas para dominar sua gestão financeira  


1 – Fluxo de caixa

Algumas empresas não produzem fluxo de caixa e ficam às cegas sobre quanto  faturam, quanto gastaram e quanto lucram e, por isso, não conseguem definir quanto, quando e onde podem reinvestir em sua empresa.

O fluxo de caixa é uma ferramenta de controle que constitui a base da gestão financeira. Através dele, é possível acompanhar as movimentações financeiras de entrada e saída.

Essa prática permite um melhor controle financeiro, o que também leva a um melhor  planejamento financeiro e melhores tomadas de decisão.

 2 – Finanças Pessoais x Empresariais

Viver do “lucro” da empresa pode ser uma cilada! Para a remuneração dos sócios, o melhor caminho é estipular um pró-labore fixo, de acordo com a realidade da empresa.

Além disso, é indispensável separar finanças pessoais e empresariais. Fazer retiradas constantes sem planejamento reduz o capital de giro e prejudica muito o negócio.  

O ideal é estipular um salário para o empresário,  que supra suas necessidades pessoais. O restante deve ser utilizado para quitar contas da empresa, comprar mercadorias ou insumos e reinvestir na empresa.

 3 – Precificação correta

Para precificar é importante ir muito além de pesquisar os preços da concorrência. Você precisa considerar todos os seus custos diretos e indiretos para precificar adequadamente. É necessário que o valor de cada produto cubra o custos de produção ou aquisição,  os impostos e encargos, e ainda ofereça margem de lucro adequada para seu negócio.

 4 – Tecnologia e Automação

Possuir um bom sistema de gestão financeira possibilita ter acesso e maior precisão dos dados, gerando segurança na gestão.  Com um sistema, o fluxo de caixa, os relatórios de custos, faturamento, vendas e inadimplência são extraídos em poucos cliques e dispondo  de informações seguras. Com elas, as tomadas de decisão são muito mais assertivas e lucrativas.  

 5 – Avalie o risco de inadimplência

O Brasil tem hoje uma população de endividados do tamanho da Itália: são 63,4 milhões de pessoas com dívidas pendentes, segundo dados do Serasa Experian. Por essa razão contar com um recurso que  avalie o risco de inadimplência de um determinado cliente é crucial. Dessa forma, seu negócio se mantém competitivo no mercado, oferecendo crédito, mas de maneira segura, minimizando os riscos de calote.

Quer gerar mais negócios, com boas condições de pagamento para o cliente, mas sem trazer riscos de inadimplência ao seu negócio? Conte com  os serviços Parceria Consulta de Crédito Serasa, que garantem ao empresário um meio seguro para avaliar o perfil do cliente e oferecer vendas a prazo com segurança.

Quer saber mais? Entre em contato aqui! 🙂 

Gestão de contratos – 5 dicas para reduzir seus riscos

Você já se questionou se a gestão de contratos é segura o suficiente para o seu negócio? Embora a temática seja de suma importância, geralmente só ganha a devida atenção quando surgem problemas decorrentes da negligência de alguns cuidados  essenciais.

Os contratos estão no centro de todos os negócios, porém, caso não sejam cuidadosamente gerenciados, podem resultar em diversos riscos e prejuízos para a sua empresa.

Para te ajudar nessa jornada, a Parceria separou os 5 passos essenciais para otimizar a gestão de contratos da sua empresa. Confira!

1- Estruture sua gestão de contratos

Qualquer novo processo de gestão, precisa do desenho de um novo processo, com a delimitação das etapas, dos profissionais envolvidos e dos caminhos a serem tomados para o caso do surgimento de dúvidas ou outros impasses.  O primeiro passo é levantar um questionário com as principais perguntas estratégicas que envolvem os novos contratos, como as destacadas abaixo:

  • Em que momentos são redigidos novos contratos? 
  • Quem faz a revisão e dá o suporte jurídico? 
  • A equipe de atendimento a este novo cliente tem conhecimento das cláusulas do contrato? 
  • Quem faz o acompanhamento do cumprimento do que foi prometido no contrato? 

Crie um fluxo de processo-padrão da estruturação de uma gestão de contratos e crie um checklist do que precisa ser definido ou decidido na sua empresa.

2- Avalie o tempo médio de formalização e execução

Redigir um novo contrato geralmente é uma tarefa demorada. Perder tempo nesta etapa, pode gerar atrasos e até desistências de negócios pelos seus clientes.  Para agilizar esta etapa, adote boas práticas como:

  • listar em uma planilha, todas as possíveis tarefas a serem contempladas em novos contratos juntamente com o tempo de execução;
  • contratar, com uma assessoria jurídica, um modelo de contrato-padrão, com treinamento para a equipe, informando o que e como pode e deve ser alterado em novos contratos;
  • monitorar, neste novo formato, quanto tempo leva para um novo contrato ser redigido e criar notificações em seu sistema de gestão, para que você possa monitorar o andamento.

3- Delimite os principais riscos

Em se tratando de contratos comerciais, os riscos potenciais aumentam proporcionalmente à negligência em prever os principais erros e soluções para os mesmos. Por isso, antes do time comercial providenciar a redação e assinatura dos novos contratos, é fundamental existir um momento de troca com a equipe operacional que irá executá-lo.

Neste momento, é fundamental que sejam listados os principais problemas que podem ocorrer na prestação de serviço conforme contemplada no contrato, juntamente com as melhores soluções possíveis. Essas informações devem compor uma base de conhecimento acessível à toda empresa, de modo a manter conduta e discursos unificados e coerentes.  

4- Planeje e defina as estratégias de negociação

Antes de iniciar as negociações, você precisa indicar quais os principais aspectos do contrato com os quais está satisfeito e os pontos que deseja discutir, por meio de uma análise minuciosa, de modo a não deixar nada importante passar em branco.

Enquanto faz sua análise, o cliente também deve fazer o mesmo, de modo que quando forem partir para a negociação final, cada parte já saiba quais pontos pode flexibilizar e quais são condições estáticas.

É neste momento de negociação final que geralmente surgem os pedidos de desconto, de melhores condições de pagamento e de encurtamento de prazos. Sem ter passado pelas etapas anteriores, em que você descobre o tempo mínimo que precisa para a execução de cada tarefa, bem como sem avaliar até onde pode melhorar as condições de pagamento do seu cliente considerando o risco de calotes, as chances de fechar um mau negócio são enormes.

5- Foque na gestão e análise de crédito

Não avaliar o perfil financeiro e os riscos de inadimplência do novo contrato é um dos erros mais comuns, e também o que mais pode trazer prejuízos a sua empresa. 

Celebrar um novo contrato cujo pagamento somente se dará na entrega do serviço, para um cliente com histórico inadimplente, é quase o mesmo que assinar uma sentença de aceite ao calote. Assim como oferecer pagamentos parcelados, de modo que o cliente já tenha recebido tudo que está previsto no contrato, antes de terminar de pagar, pode gerar um sério risco. 

Por isso, não ceda à pressão de oferecer melhores condições de pagamento na negociação final, sem antes consultar o perfil financeiro do seu cliente, pois isto pode ser uma cilada. 

Quer melhorar sua gestão de contratos, fechando negócios mais lucrativos e de menor risco? Conte com  os serviços  Parceria Gestão de Crédito Serasa! Conosco, você ganha um verdadeiro Parceiro, que te ajudará a  avaliar oferecer crédito e vendas a prazo com segurança e competitividade.

Quer saber mais? Entre em contato aqui! 🙂 

Aonde podemos atender você?

Você busca praticidade e mais agilidade para seu negócio? Nós queremos proporcionar isso à você. Pensando nisso, além da matriz em Passo Fundo, a Parceria atende e emite certificado digital em diversas cidades do Sul do país. Abaixo segue uma lista das cidades que atendemos atualmente, com duas modalidades: atendimento in company, presencial na sua empresa, ou posto de atendimento para você vir até nós.

  • Alpestre (In company)
  • Alvorada (In company)
  • Alto Feliz (In company)
  • Ametista do Sul (In company)
  • André da Rocha (In company)
  • Antônio Prado (In company)
  • Balneário Camboriú (Posto de atendimento)
  • Barão (In company)
  • Bento Gonçalves (Posto de atendimento e in company)
  • Boa Vista do Cadeado (In company)
  • Boa Vista do Incra (In company)
  • Boa Vista do Sul (In company)
  • Cachoeirinha (In company)
  • Campestre da Serra (In company)
  • Campo Bom (In company)
  • Canela (In company)
  • Canoas (In company)
  • Capela de Santana (In company)
  • Capão Bonito do Sul (In company)
  • Carazinho (Posto de atendimento)
  • Carlos Barbosa (In company)
  • Caseiros (In company)
  • Casca (Posto de atendimento)
  • Caxias do Sul (Posto de atendimento e in company)
  • Cerro Largo (In company)
  • Charqueadas (In company)
  • Constantina (Posto de atendimento)
  • Coronel Pilar (In company)
  • Cruz Alta (Posto de atendimento)
  • David Canabarro (Posto de atendimento)
  • Dois Irmãos (In company)
  • Entre Ijuís (In company)
  • Erechim (Posto de atendimento e in company)
  • Espumoso (In company)
  • Estância Velha (Posto de atendimento e in company)
  • Eugênio Castro (In company)
  • Esteio (In company)
  • Farroupilha (In company)
  • Fontoura Xavier (In company)
  • Flores da Cunha (In company)
  • Frederico Westphalen (Posto de atendimento)
  • Garibaldi (In company)
  • Glorinha (In company)
  • Getúlio Vargas (Posto de atendimento)
  • Giruá (In company)
  • Gramado (Posto de atendimento e in company)
  • Gravataí (In company)
  • Guaíba (In company)
  • Guaporé (In company)
  • Guarani das Missões (In company)
  • Ibiaçá (In company)
  • Ibiraiaras (In company)
  • Ibirapuitã (In company)
  • Ipê (In company)
  • Itajaí (Posto de atendimento)
  • Ivoti (In company)
  • Jaquirana (In company)
  • Lagoa Vermelha (Posto de atendimento)
  • Lajeado (Posto de atendimento)
  • Machadinho (In company)
  • Marau (Posto de atendimento)
  • Maximiliano de Almeida (In company)
  • Montenegro (Posto de atendimento)
  • Monte Belo do Sul (In company)
  • Mormaço (In company)
  • Muitos Capões (In company)
  • Nonoai (Posto de atendimento e in company)
  • Nova Araçá (In company)
  • Nova Bassano (In company)
  • Nova Hartz (In company)
  • Nova Pádua (In company)
  • Nova Petrópolis (In company)
  • Nova Prata (Posto de atendimento)
  • Nova Roma do Sul (In company)
  • Nova Santa Rita (In company)
  • Novo Hamburgo (In company)
  • Paim Filho (Posto de atendimento)
  • Palmito SC (In company)
  • Panambi (Posto de atendimento)
  • Passo Fundo (Matriz e atendimento in company)
  • Paraí (In company)
  • Pejuçara (In company)
  • Pinto Bandeira (In company)
  • Planalto (Posto de atendimento)
  • Portão (In company)
  • Porto Alegre (In company)
  • Protásio Alves (In company)
  • Ronda Alta (Posto de atendimento)
  • Roque Gonzales (In company)
  • Salto do Jacuí (In company)
  • Sananduva (Posto de atendimento e In company)
  • Santa Maria (Posto de atendimento)
  • Santa Rosa (Posto de atendimento)
  • Santa Tereza (In company)
  • Santo Ângelo (Posto de atendimento)
  • Santo Antônio do Palma (In company)
  • São Domingos do Sul (In company)
  • São Francisco de Paula (In company)
  • São Garibaldi São Marcos (In company)
  • São Miguel das Missões (In company)
  • São João da Urtiga (In company)
  • São José do Ouro (Posto de atendimento)
  • São Leopoldo (In company)
  • São Marcos (In company)
  • São Miguel das Missões (In company)
  • São Pedro do Sul (In company)
  • São Paulo das Missões (In company)
  • São Sebastião do Caí (In company)
  • Sapucaia do Sul (In company)
  • Sarandi (In company)
  • Serafina Corrêa (In company)
  • Soledade (Posto de atendimento)
  • Tapejara (Posto de atendimento)
  • Taquara (In company)
  • Tio Hugo (In company)
  • Veranópolis (Posto de atendimento e in company)
  • Viamão (In company)
  • Vila Flores (In company)
  • Vila Maria (In company)
  • Vista Alegre do Prata (In company)

Gostaria de mais informações? Entre em contato conosco! (54) 3046 8800

Obrigatoriedades Contábeis- Janeiro/2020

Ano começando e para curtir as férias tranquilamente é melhor se agendar com as Obrigatoriedades Contábeis de Janeiro de 2020. Confira:

  • 03/01 — Comprovante Mensal de Retenção da Contribuição para o Pis/pasep e da COFINS – Autopeças
  • 06/01 — IOF
  • 06/01 — IR/FONTE – Juros S/ o Capital Próprio, Aplicações Financeiras, Prêmios e Multas
  • 07/01 — Salários
  • 07/01 — CAGED – Cadastro Geral de Empregados e Desempregados
  • 07/01 — Contrato de Trabalho Temporário
  • 07/01 — Salário – Doméstico
  • 07/01 — Simples Doméstico
  • 07/01 — FGTS – Fundo de Garantia do Tempo de Serviço
  • 07/01 — Simples Doméstico – 13º Salário (contribuição Previdenciária)
  • 08/01 — Registro de Pessoas Naturais – Comunicação ao Inss
  • 08/01 — Esocial – Eventos de Sst – Saúde e Segurança no Trabalho
  • 08/01 — Esocial – Eventos Periódicos
  • 10/01 — GPS – Remessa da Cópia ao Sindicato
  • 10/01 — Comprovante de Rendimentos – Juros sobre o Capital Próprio
  • 10/01 — IR/FONTE – Serviços Prestados por Transportador Paraguaio
  • 10/01 — IPI (código Tipi: 2402.20.00)
  • 10/01 — Décimo Terceiro Salário – Diferença – 3ª Parcela
  • 15/01 — Dctfweb Mensal
  • 15/01 — CIDE – Combustível
  • 15/01 — CIDE – Remessas ao Exterior
  • 15/01 — Efd-contribuições – Transmissão ao SPED
  • 15/01 — Efd-reinf – Transmissão ao SPED
  • 15/01 — DCTF – Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais
  • 15/01 — IOF
  • 15/01 — IR/FONTE – Juros S/ o Capital Próprio, Aplicações Financeiras, Prêmios e Multas
  • 15/01 — PIS – COFINS – Retenção na Fonte
  • 15/01 — Contribuição Previdenciária – Mensal – Contribuinte Individual e Facultativo
  • 20/01 — Darf Numerado (dctfweb Mensal) – Contribuição Previdenciária
  • 20/01 — Contribuição Previdenciária – Cooperativa de Trabalho
  • 20/01 — COFINS – Financeiras e Equiparadas
  • 20/01 — Contribuição Previdenciária – Empregador
  • 20/01 — Contribuição Previdenciária – Produtor Rural
  • 20/01 — COFINS – Financeiras e Equiparadas
  • 20/01 — Contribuição Previdenciária – Empregador
  • 20/01 — Contribuição Previdenciária – Produtor Rural
  • 20/01 — Contribuição Previdenciária – Retenção dos 11%
  • 20/01 — Informe de Rendimentos Financeiros – Aplicações Financeiras/mútuo – Beneficiário Pessoa Jurídica
  • 20/01 — IR/FONTE – Outros
  • 20/01 — PIS – Financeiras e Equiparadas
  • 20/01 — RET – Regime Especial de Tributação – Incorporações Imobiliárias
  • 20/01 — CSLL – PIS – COFINS – Retenção na Fonte
  • 20/01 — Simples Nacional
  • 20/01 — Contribuição Previdenciária – Receita Bruta
  • 22/01 — DCTF – Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais
  • 23/01 — IOF
  • 23/01 — IR/FONTE – Juros S/ o Capital Próprio, Aplicações Financeiras, Prêmios e Multas
  • 24/01 — COFINS – Demais Empresas
  • 24/01 — PIS – Demais Empresas
  • 24/01 — Pis-folha de Pagamento
  • 24/01 — IPI (demais Produtos)
  • 24/01 — Taxa pela Utilização dos Equipamentos Contadores de Produção
  • 31/01 — TCIF – Taxa de Controle de Incentivos Fiscais
  • 31/01 — Contribuição Sindical – Patronal
  • 31/01 — Gfip – Guia de Recolhimento do FGTS e Informações à Previdência Social – Relativa ao 13° Salário
  • 31/01 — Comprovante Anual de Imposto de Renda Recolhido – Comissões ou Corretagens
  • 31/01 — Comprovante Anual de Imposto de Renda Recolhido – Serviços de Propaganda e Publicidade
  • 31/01 — Comunicação de Não Ocorrência de Operações Suspeitas – Profissionais e Organizações Contábeis
  • 31/01 — Contribuição Social – Estimativa
  • 31/01 — Contribuição Social – Lucro Presumido – 4º Trimestre de 2019 – 1ª Quota ou Quota única
  • 31/01 — Contribuição Social – Lucro Real – 4º Trimestre de 2019 – 1ª Quota ou Quota única
  • 31/01 — PIS – COFINS – Retenção na Fonte
  • 31/01 — Simei – Opção – Ano-calendário de 2020
  • 31/01 — Simples Nacional – Comunicação da Exclusão – Ano-calendário de 2020
  • 31/01 — Simples Nacional – Opção – Ano-calendário de 2020
  • 31/01 — Operações Realizadas com Criptoativos – Informação à Rfb
  • 31/01 — SISCOSERV – Registros de Vendas e de Aquisições
  • 31/01 — IR/FONTE – Fundos de Investimento Imobiliário.

5 melhores aplicativos para contadores organizarem agenda e lembretes

Muitas atividades profissionais, inclusive a contabilidade, estão  vez mais online e exigindo maior velocidade na troca e no registro de informações. Adaptar-se rápido ao cenário atual garante atender às expectativas e necessidades dos clientes e, consequentemente, melhorar seu posicionamento de mercado. E nesse contexto, aplicativos podem ser ótimos aliados.

Os apps atuam como eficientes recursos para contadores que precisam evitar esquecer ou  apenas lembrar muito encima da hora dos seus compromissos. Online, com atualização em tempo real e disponíveis para ser utilizados no celular, os eles resumem em poucos cliques informações importantes e podem ajudar muito a organizar o seu dia. 

Separamos algumas dicas dos melhores aplicativos de mercado para contadores. Confira.

Asana

O Asana é um aplicativo que funciona como um gestor de projetos. É extremamente fácil de usar e compatível com smartphones e computadores.

 É focado em tarefas apresentadas como to-do lists (Listas de Tarefas), permite a divisão de atividades dentro de sua equipe.

Também é possível realizar agendamentos de prazos, criar projetos, visualizar o calendário de tarefas de outros membros da sua equipe e enviar arquivos.

Em um escritório contábil pode ser utilizado para enviar e receber arquivos, tanto internos quanto externos, podendo ser usado para enviar arquivos aos seus clientes.

O aplicativo é gratuito, mas possui uma versão paga, que pode valer muito a pena para a gestão de processos e projetos mais complexos.

Trello

O trello utiliza uma interface de quadros e cartões para que você possa organizar e dividir tarefas. Dá para descrever as tarefas, e ainda, é possível convidar outras pessoas para dividir ou assumir a responsabilidade delas.

É muito útil para acompanhar as atividades de cada setor do escritório (fiscal, contábil, tributário, entre outros).  No Trello, é possível saber rapidamente se há algum atraso nos processos, facilitando o planejamento através da visualização de calendários de atividade. Ele também possui a modalidade  gratuita e a versão paga, que pode ser útil projetos com mais membros envolvidos e em equipes maiores.

Wunderlist

É um excelente aplicativo de trabalho, que permite que você organize suas tarefas e otimize seu tempo com lembretes personalizados. Para um escritório de contabilidade esse app é muito útil para não deixar nenhuma obrigatoriedade contábil passar em branco.

Você pode criar listas por prioridades ou ainda definir quando uma tarefa vai ser realizada. O aplicativo possui uma lista de “Today” que exibe tudo o que você precisa fazer no dia de hoje.

Na pasta “Today” você pode mover as tarefas para outras categorias e saber quando e com qual urgência as tarefas devem ser feitas, inserindo anotações para cada uma delas.

O Wunderlist também permite a sincronização entre seu computador, tablet e celular, acessando suas listas de qualquer lugar. A plataforma é colaborativa, permitindo que você compartilhe suas listas com outras pessoas e delegar afazeres, também permite definir lembretes de datas para sempre cumprir os prazos.

Evernote

O Evernote, como o próprio nome já diz, é um aplicativo de anotações infinitas e em qualquer formato: o que o torna muito popular.

Com a plataforma, você pode ter acesso às suas informações quando e onde você estiver, através de notas digitadas, áudios e até mesmo escritas à mão de forma digitalizada, aproveitando por exemplo a câmera do seu telefone celular.

A ideia é muito simples, organizar suas anotações da maneira que você quiser e ainda poder compartilhá-las com outras pessoas.

Ele é útil ao escritório de contabilidade, pois permite que tome nota de forma agilizada de informações trocadas em conversas informais, em eventos de networking e até mesmo durante reuniões.  

A ferramenta é gratuita em seu formato mais simples, porém para acessar os recursos mais avançados a ferramenta requer o pagamento de uma assinatura mensal.

Google Agenda

O Google Agenda é outro aplicativo muito popular entre aqueles que querer organizar melhor o seu dia a dia. 

Disponível  para web, Android e iOS, possui uma série de recursos para te ajudar a cumprir seus prazos e compromissos.  Ele traz diferentes formas para visualizar sua agenda, por mês, semana ou dia.

Com o Google Agenda, você pode organizar seu dia através de vários calendários, lembretes, notificações, tarefas diárias – tudo em um único lugar. O aplicativo também possibilita o acesso de vários usuários assim você pode garantir que sua equipe será notificada sobre as atividades importantes para o dia.

Entre todas essas ferramentas que irão certamente te ajudar a organizar a rotina de seu escritório, manter-se informado e atualizado é fundamental para que você possa se organizar e manter todas as suas atividades em dia, sem nenhuma preocupação.  Para isso a Paceria publica, todos os meses, a lista de obrigatoriedades contábeis vigentes em seu blog e nas suas redes sociais, e é uma ótima fonte de informações para agendar os compromissos contábeis do mês. Conheça nosso blog e fique por dentro!

Quer saber como se tornar um escritório Parceiro? Entre em contato!


Obrigatoriedades Contábeis – Dezembro/2019

O ano está acabando e, com ele, muitas obrigatoriedades contábeis no mês de dezembro. Fique atento e agende-se para curtir as férias tranquilo!

  • 02/12 — GPS-Fixação no Quadro de Horário
  • 04/12 — IOF-CRÉDITO
  • 04/12 — IRRF – Lei n° 9.430/1996
  • 06/12 — CAGED
  • 06/12 — DAE – SIMPLES DOMÉSTICO
  • 06/12 — FGTS
  • 06/12 — GFIP
  • 06/12 — SALÁRIOS
  • 10/12 — GPS-Envio ao Sindicato
  • 10/12 — INSS-Cartório de Registro Civil de Pessoas Naturais
  • 10/12 — IPI-CIGARROS
  • 10/12 — IRRF-Juros de empréstimos externos
  • 13/12 — EFD-REINF
  • 15/12 — CIDE-COMBUSTÍVEIS
  • 15/12 — CIDE-REMESSA AO EXTERIOR
  • 15/12 — EFD-CONTRIBUIÇÕES-ESCRITURAÇÃO FISCAL DIGITAL DAS CONTRIBUIÇÕES INCIDENTES SOBRE A RECEITA( Pis Confins e Contribuição Previdenciária)
  • 15/12 — IOF-CRÉDITO
  • 15/12 — IRRF-Lei n° 9.430/1996
  • 15/12 — PIS/COFINS- Retenção. Aquisições de Autopeças
  • 16/12 — GPS – Contribuinte individual/Segurado Facultativo
  • 20/12 — PIS-INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS E EQUIPARADAS
  • 20/12 — COFINS-INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS E EQUIPARADAS
  • 20/12 — CONTRIBUIÇÕES SOCIAIS RETIDAS NA FONTE (CSRF)
  • 20/12 — DARF (CPRB) -Lei n° 12.546/2011
  • 20/12 — DAS-SIMPLES NACIONAL
  • 20/12 — DASMEI-MEI
  • 20/12 — GPS – Comercialização da Produção Rural
  • 20/12 — GPS – Cooperados
  • 20/12 — GPS – Folha de Pagamento
  • 20/12 — GPS – Retenção de INSS Sobre a Nota Fiscal
  • 20/12 — IRRF
  • 20/12 — PGDAS-D – Programa Gerador do Documento de Arrecadação do Simples Nacional Declaratório
  • 21/12 — RET-Regime Especial de Tributação
  • 22/12 — DCTF Mensal
  • 23/12 — IRRF – Lei n° 9.430/1996
  • 24/12 — IRRF-Lei n° 9.430/1996
  • 26/12 — Contribuição Sindical dos Empregados – Desconto
  • 26/12 — CSLL – Contribuição Social sobre o Lucro Líquido – Mensal
  • 26/12 — CSLL – Contribuição Social sobre o Lucro Líquido – Trimestral (3ª Quota)
  • 26/12 — DIF – Cigarros
  • 26/12 — DIPI – Cosméticos
  • 26/12 — DME – Declaração de Operações Liquidadas com Moeda em Espécie
  • 26/12 — DOI – Declaração sobre Operações Imobiliárias
  • 26/12 — FINAM / FINOR / FUNRES – Mensal
  • 26/12 — FINAM / FINOR / FUNRES – Trimestral (3ª Quota)
  • 26/12 — IRPF – Imposto de Renda Pessoa Física – Operações em Bolsa
  • 26/12 — IRPJ – Imposto de Renda Pessoa Jurídica – Mensal
  • 26/12 — IRPJ – Imposto de Renda Pessoa Jurídica – Simples Nacional – Ganho de Capital
  • 26/12 — IRPJ – Imposto de Renda Pessoa Jurídica – Trimestral (3ª Quota)
  • 26/12 — Parcelamento – PERT – Programa Especial de Regularização Tributária
  • 26/12 — Parcelamento Especial 2007 – Simples Nacional
  • 26/12 — PIS/COFINS – Retenção. Aquisições de Autopeças
  • 26/12 — REDOM – Programa de Recuperação Previdenciária dos Empregadores Domésticos
  • 26/12 — SISCOSERV – Registro de Faturamento (RF) / Registro de Pagamento (RP)
  • 26/12 — SISCOSERV – Registro de Venda (RVS) / Registro de Aquisição (RAS)
  • 27/12 — IPI – Produtos em Geral
  • 27/12 — PIS – Faturamento / Folha de Pagamento
  • 30/12 — ITR (3ª Quota)
  • 31/12 — CONTRIBUIÇÃO SINDICAL DOS EMPREGADOS-Desconto
  • 31/12 — FINAM, FINOR, FUNRES-MENSAL
  • 31/12 — CSLL – PJ
  • 31/12 — DIF- Papel Imune
  • 31/12 — IRPF – Imposto de Renda Pessoa Física
  • 31/12 — IRPF-CARNÊ-LEÃO
  • 31/12 — IRPJ – Imposto de Renda Pessoa Jurídica
  • 31/12 — IRRF – Imposto de Renda Retido na Fonte
  • 31/12 — Parcelamento Especial – Simples Nacional (PERT-SN)
  • 31/12 — Parcelamentos
  • 31/12 — PIS/COFINS- Retenção. Aquisições de Autopeças

Certificado Digital – Recurso para combater fraudes em bombas de gasolina

Certificado Digital - Recurso para combater fraudes em bombas de gasolina

A partir de dezembro, somente será aprovado o funcionamento de modelos de bombas de gasolina com certificação digital. A decisão veio do Instituo Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), que é vinculado ao Ministério da Economia. digital. Segundo Edísio Alves Júnior, chefe do Setor de Medição de Fluídos, o objetivo é evitar as fraudes no abastecimento ao consumidor final.

De onde veio a ideia?

A ideia surgiu devido ao crescimento das fraudes eletrônica nas bombas de gasolina, bem como com a percepção de que os requisitos técnicos não estão adequados para as novas bombas eletrônicas. Dessa forma, a utilização da certificação digital para bombas de gasolina garante a integridade e a idoneidade do processo, tornando-o mais transparente ao consumidor

Mas o que é certificado digital?

O certificado digital é um documento eletrônico que cria uma chave pública para empresas, entidades e pessoas realizarem certas atividades e serviços. A Certificação Digital, por sua vez, é a tecnologia que, por meio da criptografia de dados, garante autenticidade, confidencialidade, integridade e não-repúdio às informações eletrônicas que foram assinadas através do certificado digital.

Como a certificação irá ajudar a evitar fraudes nas
bombas de gasolina?

O Inmetro garante que através da assinatura digital poderemos ter certeza de que a informação que foi gerada pelo medidor será a mesma do mostrador que mostra quanto de combustível foi abastecido no veículo do consumidor. E, além disso, existirá uma comunicação das bombas de gasolina com um aplicativo no celular, de modo que o valor que aparece no aplicativo deve ser o mesmo do indicador da bomba.

Substituição será feita de maneira gradual.

De acordo com Edísio Alves Júnior (chefe do setor de Medição de Fluídos do Inmetro) a substituição será feita em função do ano de fabricação da bomba e que não será de forma instantânea, tendo o período máximo de 15 anos após a data de fabricação para a substituição.

O Inmetro acredita em uma demanda natural, na qual os próprios consumidores irão procurar e preferir as bombas de gasolina com certificação digital, tendo em vista que elas serão mais confiáveis. Dessa forma, a concorrência forçará a aceleração da adaptação à certificação digital, por pressão dos próprios consumidores. “Quem tiver uma bomba mais segura vai ter um chamariz maior para o consumidor”, afirmou Edísio.

Enquanto isso, continua a fiscalização

O Inmetro continuará atuando regularmente na fiscalização. Poderão ocorrer também, verificações pontuais e através de denúncias de qualquer representante da sociedade sendo eles consumidores, entidades do mercado e inclusive a própria polícia, que já realizou mais de dez operações de inspeções somente esse ano no Rio de Janeiro, onde foram constatadas fraudes variadas em bombas de combustível.

Onde posso emitir meu certificado digital?

Com mais de 10 anos de atuação especificamente na emissão de Certificado Digital, a Parceria Soluções Empresariais figura entre as líderes nacionais nesse setor. Atendimento de excelência, agilidade e eficiência compõem nossa essência. Aqui, trabalhamos para que suas obrigatoriedades sejam cumpridas com agilidade, de modo que você possa usar seu tempo para focar no seu negócio!

Conheça nosso site ou vá em algum de nossos postos de atendimento que estão situados em Passo Fundo – RS e em mais de 40 cidades da região.