fbpx

Estratégias de gestão para superar a crise financeira

A epidemia causada pela covid-19 tem provocado diversos impactos em todas as camadas da sociedade. Porém, além da área da saúde, o setor empresarial também tem enfrentado dificuldades, e quem souber aplicar boas estratégias de gestão tem mais chances  de se manter firme e longe das dívidas.

A redução de possibilidades de fechamento de negócio, bem como a insegurança dos consumidores em relação às compras, estão afetando diretamente empresários de todo o país e acarretando no fechamento de diversas empresas.

Sabendo disso, separamos aqui 5 estratégias de gestão para você aplicar e passar por essa recessão bem longe do fantasma da falência. Confira abaixo e se mantenha firme durante essa crise!

1.   Negociar pagamentos

Com a baixa no recebimento de capital, muitas vezes fica difícil manter as contas com adimplência e pagar todos os fornecedores. Sendo assim, para não ter que pagar juros e outros tributos mais tarde, o ideal é negociar os pagamentos com fornecedores e outros parceiros.

Adiar parcelas ou fazer uma renegociação de modo a estendê-las em um valor diluído são sempre ótimas opções. 

Com isso a companhia pode ter um “respiro” para se organizar financeiramente e elaborar novos meios de sobreviver a baixa entrada de lucro nos próximos meses.

2.   Suspender contratos não essenciais

Mesmo que a redução no quadro de empregados seja uma das estratégias de gestão menos agradáveis, ela pode ser bastante eficaz para conter os prejuízos nesse momento de crise. Com a redução da demanda é possível que alguns colaboradores  fiquem ociosos e isso acaba tornando o investimento na sua remuneração em um custo dispensável.

Sendo assim, por mais desagradável que seja, realizar demissões ou suspensões de contrato pode ser o diferencial que ajudará a sua empresa a superar esta crise. Nossa dica, para este momento difícil, é agir com cautela e de maneira racional, avaliando detalhadamente as possibilidades de desligamento e o impacto negativo que eles podem trazer à produtividade da empresa.

Salientamos, também, a importância de um diálogo franco junto aos seus colaboradores, explicando o real motivo do desligamento e deixando portas abertas para o retorno de profissionais importantes para o seu negócio logo que tudo se normalize.

3.   Antecipar recebíveis

Caso a companhia tenha algum saldo a ser recebido ou retirado, esse é o melhor momento para fazer uso dessa quantia. Converse com clientes e demais compradores e explique a atual necessidade da empresa. 

Nessa situação, toda quantia pode ser de grande ajuda para evitar a quebra do sistema econômico. Dependendo da sua necessidade de injeção de caixa, inclusive, vale a pena oferecer descontos para antecipar o recebimento de parcelas. Avalie essa possibilidade com atenção e faça boas ofertas.

4.   Manter-se remota e digitalmente próximo do cliente

Nesse momento de pandemia é muito comum que os consumidores se sintam receosos em relação a um contato próximo com as empresas. Isso porque o contato físico oferece sérios riscos de contágios, e muitos brasileiros, principalmente no interior do RS, ainda não estão habituados aos novos recursos tecnológicos para a comunicação.

No entanto, este é um dos poucos limões que pode render uma boa limonada em meio a esta crise. Nossa dica é aproveitar o cenário atual, em que todos estamos aprendendo a nos virar de maneira remota e digital, para criar novos canais de comunicação com seu cliente. 

Enviar mensagens humoradas e esperançosas, desde que façam sentido para o seu negócio, pelas redes sociais, pode ajudar de várias formas: fortalece a sua marca na memória do cliente, constrói um laço afetivo e ainda aumenta a possibilidade de conexão com novos clientes. Principalmente neste momento em que a porta de tantos comércios está fechada!

Há, também, outra importante vantagem em manter uma forte comunicação digital com o seu cliente: abrir os caminhos para a prestação de serviços de maneira remota ou para a venda online. Recurso, este, que pode ser a salvação econômica de muitos pequenos negócios na crise atual. 

5.   Adaptar sua rotina de operação e continuar vendendo

Mesmo que a crise esteja batendo na porta, não há estratégia de gestão mais eficaz que manter a produtividade e a comercialização. Ainda que a demanda e a procura baixem, toda venda é importante e pode trazer resultados positivos para a empresa. Nem que seja apenas para a motivação do time, o que faz toda a diferença!

Para se adaptar a essa nova fase, é importante fazer uso da automação, facilitando os processos do dia a dia e tornando-os menos complexos. Para isso, os sistemas ERP fazem toda a diferença, pois integram vendas ao estoque em tempo real, permitindo a você fechar negócios de onde estiver!

Para saber mais, confira em nosso site as vantagens de automatizar a gestão da sua empresa e gerenciá-la com atualização em tempo real de onde você estiver!

Clique aqui para começar uma conversa com nossos especialistas do ERP Parceria

Deixe um comentário